sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Recebi...


Á uns dias atrás recebi pelas mãos desta amiga este selo.

Simpatico este amiguinho não é!?, pois eu sei que deveria atribuir este selo a 7 blogs,
mas prefiro deixar ao vosso gosto ou vontade...

Então vá lá, quem o quiser levar esteja á vontade , gostaria de o oferecer a todos que me visitam é só copiar e colar..

..

Fecho os olhos...


E posso sentir.....


Todos os beijos que te quero dar


O coração no peito, que bate disparado...


Consigo sentir a música no silencio que me envolve


Sonho com as tuas mãos, deslizando no calor da minha pele...


Há um arrepio que me trás de volta...


Mas nos teus braços volto a sonhar, com o entrelaçar das nossas almas, dos nossos caminhos,

do nosso amor...
...

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Porque não??



Pedido de aumento de ordenado




O jovem empregado vai à sala do patrão:

- Senhor director, vim aqui para lhe pedir um aumento.

E adianto já, que há quatro empresas atrás de mim.

O patrão,com medo de perder o talento promissor, dobra-lhe o salário.

-As empresas só valorizam os funcionários quando eles recebem outras propostas...

Mas mate-me uma curiosidade, meu rapaz.

Pode dizer-me quais são essas quatro empresas?

- Sim, senhor.

A da luz, a da água, a do telefone e o meu banco!!!
.

A verdade...


A Verdade

A porta da verdade estava aberta,
Mas só deixava passar
Meia pessoa de cada vez.
Assim não era possível atingir toda a verdade,
Porque a meia pessoa que entrava
Só trazia o perfil de meia verdade,
E a sua segunda metade
Voltava igualmente com meios perfis
E os meios perfis não coincidiam verdade...
Arrebentaram a porta.
Derrubaram a porta,
Chegaram ao lugar luminoso
Onde a verdade esplendia seus fogos.
Era dividida em metades
Diferentes uma da outra.
Chegou-se a discutir qual
a metade mais bela.
Nenhuma das duas era totalmente bela
E carecia optar.
Cada um optou conforme
Seu capricho,
sua ilusão,
sua miopia.


-Carlos Drummond de Andrade-

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Gostei..






















A melhor anedota de 2008...




Um velhote de 90 anos e uma jovem de 20...

Em plena noite de núpcias, o homem vê a jovem muito nervosa e pergunta-lhe o que se passa.

- É que sou virgem e não sei fazer amor!

- Agora é que tamos f***dos - diz o velhote - Tu não sabes e eu não me lembro!

.Como sabem...preciso de algo que me faça rir...

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

....



Tenho andado um pouco(muito) afastada daqui, talvez porque o que tenha para partilhar não sejam coisas boas.

Apenas problemas que apesar de não serem meus me tenham posto um pouco a 'leste' de tudo, por muito que tente e acreditem que tenho tentado, não consigo afastar-me...

Esta vida não é a minha, os problemas também não são os meus, por isso não serei eu a ter de os resolver, mas no que eu puder vou ajudar.

Se há coisa que não consigo ver, porque me dá a volta a tudo o que tenho cá dentro, ao melhor e ao pior de mim... a mesquinhez das pessoas e sendo ela tanta, mas tanta que até lhes deturpa a visão não conseguindo ver com clareza a verdade dos factos, da vida,..apenas conseguem ver a verdade criada por elas, e só para elas, passando por cima dos sentimentos dos outros, mesmo que sejam as pessoas que supostamente mais amam no mundo, não percebo...

Quando pensamos : bom acho que não há maldade maior...eis que aparece mais uma brilhante ideia destas cabeças, que quanto a mim só podem estar podres, ocas, secas , tal é o cheiro que deixam escapar..

Sei que tenho a minha vida a ser vivida da melhor maneira que sei e posso, sei também que há quem pense que é uma perda de tempo esta minha preocupação com os outros. Estes outros são pessoas de quem gosto muito e a quem me custa ver sofrer...é difícil gerir este sentimento de revolta, tenho me sentido assim ...

Darei todo apoio que possa, apesar de não viver em função, nem para os outros(a não ser dos meus filhos)pois a vida é de cada um de nós...

Mas se puder ajudar porque não?

Espero dias mais soalheiros, que me façam mudar de humor..

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Apenas 'passe adiante'...


Lá estava eu com minha família, em férias, num acampamento isolado e
com carro enguiçado.

Isso aconteceu há 5 anos, mas lembro-me como se fosse ontem.

Tentei dar a partida no carro... Nada.

Caminhei para fora do acampamento e felizmente meus palavrões foram
abafados pelo barulho do riacho.

Minha mulher e eu, concluímos que éramos vítimas de uma bateria arriada.

Sem alternativa, decidi voltar á pé até a vila mais próxima e procurar ajuda.

Depois de uma hora e um tornozelo torcido, cheguei finalmente a um
posto de gasolina. Ao me aproximar do posto, lembrei que era domingo e
é claro, o lugar estava fechado.

Por sorte havia um telefone público e uma lista telefónica já com as
folhas em frangalhos. Consegui ligar para a única companhia de
auto-socorro que encontrei na lista, localizada a cerca de 30km dali.

- Não tem problema, disse a pessoa do outro lado da linha, normalmente
estou fechado aos domingos, mas posso chegar aí em mais ou menos meia
hora.

Fiquei aliviado, mas ao mesmo tempo consciente das implicações
financeiras que essa oferta de ajuda me causaria.

Logo seguíamos, eu e o Zé, no seu reluzente caminhão- guincho em
direcção ao acampamento.

Quando saí do caminhão, observei com espanto o Zé descer com aparelhos
nas pernas e a ajuda de muletas para se locomover.

Santo Deus!

Ele era paraplégico!!!

Enquanto se movimentava, comecei novamente minha ginástica mental em
calcular o preço da sua ajuda.

É só uma bateria descarregada, uma pequena carga eléctrica e vocês
poderão seguir viagem, disse-me ele.

O homem era impressionante, enquanto a bateria carregava, distraiu meu
filho com truques de mágica, e chegou a tirar uma moeda da orelha,
presenteando-a ao garoto.

Enquanto colocava os cabos de volta no caminhão, perguntei quanto lhe devia.

Oh! Nada - respondeu, para minha surpresa.

- Tenho que lhe pagar alguma coisa, insisti.

- Não, reiterou ele. Há muitos anos atrás, alguém me ajudou a sair de
uma situação muito pior, quando perdi as minhas pernas, e o sujeito
que me socorreu, simplesmente me disse:

- Quando tiver uma oportunidade, 'Passe isso adiante'.

Eis minha chance...

Você não me deve nada! Apenas lembre-se:

Quando tiver uma oportunidade semelhante, faça o mesmo...

'Somos todos anjos de uma asa só, precisamos nos abraçar para alçar voo'

Gostou?

Não, por favor, não agradeça, apenas

'passe adiante'...!!!


Se todos nós passar-mos adiante o mundo será um pouco melhor, não acham!??
~
Texto recebido por mail
.

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Vamos lá ver..





- Sr. Padre, eu pequei. Fui seduzido por uma mulher oferecida, que se dá.

- És tu, Carlitos?

- Sim, Sr. Padre, sou eu

- E com quem estivestes tu?

- Ai Padre, isso não! Eu já disse o meu pecado... ela que confesse o dela.

- Repara, Carlitos, mais tarde ou mais cedo eu vou saber, assim é melhor que mo digas agora. Foi a Isabel Fonseca?

- Os meus lábios estão selados.

- A Maria Gomes?

- Por mim, jamais o saberá...

- Ah! A Maria José?

- Não direi nunca!!!

- A Rosa do talho?

- Padre, não insista!!!

- Então só pode ter sido a Catarina da pastelaria, não foi?

- Padre, isto não faz sentido....

O Padre rói as unhas desesperado e diz-lhe então:

- És uma cabeça dura, Carlitos, mas no fundo do coração admiro a tua reserva. Vais rezar vinte Pais-Nossos e dez Ave-Marias... Vai com Deus meu filho...

Carlitos sai do confessionário e vai para os bancos da igreja. O seu amigo Pedrito desliza para junto dele e sussurra-lhe:

- E então? Resultou?

- Sim. Tenho cinco nomes de gajas que dão baldas!!!


E então qual é a moral da história!??
.

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Uma curiosidade...




You Are: 50% Dog, 50% Cat



You are a nice blend of cat and dog.

You're playful but not too needy. And you're friendly but careful.

And while you have your moody moments, you're too happy to stay upset for long.



achei piada e fui fazer para ver, e não é que não está mal de todo...

sábado, 18 de outubro de 2008

Bom fim de semana.

SabedoriaDosMestres.Com



Eu sei, eu sei...tenho andado pouco por cá, mas a vida assim me obriga.

Um bom fim de semana para todos vocês e não se esqueçam de serem Felizes



.

terça-feira, 14 de outubro de 2008

E esta hem!..


Uma mulher leva um bebê ao consultório do pediatra.
Depois de alguns momentos de espera na sala, a enfermeira a manda entrar no consultório.
Depois da apresentação, o médico começa a examinar o bebê e vê que o seu peso está abaixo do normal e pergunta:
- O bebê toma leite materno ou de mamadeira?
- Leite materno, diz a senhora.
- Então, por favor, mostre-me os seus seios.
A mulher obedece e o médico toca, apalpa, aperta ambos os seios,gira os dedos nos mamilos; primeiro suavemente, depois com mais força,coloca as mãos em baixo e os levanta uma vez, duas vezes, três vezes,num exame detalhado.
Faz um beicinho e sacode a cabeça para ambos os lados e diz:
- Pode vestir a blusa.
Depois de a senhora estar novamente composta o médico diz:
- É claro que o bebê tem peso a menos.
A senhora não tem leite nenhum.
- Eu sei, doutor. Eu sou a tia. Mas adorei ter vindo...

domingo, 12 de outubro de 2008

Eu...


~

..Não quero ser a noite escura
que percorres com teus passos solitários
quero ser a cor dos teus dias
a tua essência perfumada
o teu segredo profundo
de olhares trocados, gestos partilhados...
Ser aurora de um novo dia,
ser palavra segredada...
.

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Aqui fica a letra para quem(tal como eu ) gostar de cantar

I can't believe it's over

I watched the whole thing fall

And I never saw the right man was on the wall

If I don't land

Days were slipping past

That the good things never last

That you were crying

Summer turned to winter

And the snow it turned to rain

And the rain turned into tears upon your face

I hardly recognized the girl you are today

And god I hope it's not too late

It's not too late

'Cause you are not alone

I'm always there with you

And we'll get lost together

Till the light comes pouring through

'Cause when you feel like you're done

And the darkness has won

Babe, you're not lost

When your worlds crashing down

And you can't bear to fall

I said, babe, you're not lost

Life can show no mercy

It can tear your soul apart

It can make you feel like you've gone crazy

But you're not

Things have seem to changed

There's one thing that's still the same

In my heart you have remained

And we can fly fly fly away

'Cause you are not alone

And I am there with you

And we'll get lost together

Till the light comes pouring through

'Cause when you feel like you're done

And the darkness has won

Babe, you're not lost

When the worlds crashing down

And you can not bear to crawl

I said, baby, you're not lost

I said, baby, you're not lost

I said, baby, you're not lost

I said, baby, you're not lost

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

.....

COM TUAS PÉTALAS vermelhas
rodeaste-me a dor
Paira no ar a essência de um elo partido
de uma vida quebrada
Uma chuva vermelha de flores, pétalas soltas que gritam,
que choram por alguém que ainda não morreu
Lágrimas caem como estrelas da manhã
num rosto que esconde o riso e o gozo
que hoje já não tem.
A lua brilha no céu com seu vestido de prata,
trazendo consigo um grito de pranto,
que lhe rouba todo o seu esplendor...
Nem mesmo aquele fio de luz aquece o coração

.....♥.....

.


quinta-feira, 2 de outubro de 2008







Numa discoteca africana


- A minina dança?


A mulatinha levanta-se e diz:

- Não, vô mijá.


- Vai mijá mas vorta?


- Não, vou mijá embora!
...
Uuii! que engraçadinha que ela anda, :)
.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

E assim...

Ela chegou...no rosto trazia um sorriso pintado com as cores da inocência de outros tempos, os tempos da adolescência em que tudo tinha outra magia, a magia das descobertas.
Do primeiro amor, de um beijo sonhado...
Podia sentir de novo as borboletas que tinham o péssimo habito de dançar, rodopiar no seu estômago e que lhe causavam aquela sensação tão estranha que nunca soube explicar.
Mas porquê agora esta mesma sensação?...afinal já não tem mais quinze anos, já não é mais uma menina.
Apesar de tudo é assim mesmo que se sente, como se num passe de mágica o tempo tivesse voltado atrás e ela tivesse apenas idade para sonhar.
Mas não, não era sonho, ela estava mesmo ali...e sabia que ele esperava por ela, embora não soubesse o que esperava DELA.
E foi com os olhares que se tocaram pela primeira vez...como nunca o tinham feito.
As palavras atropelavam-se umas ás outras, houve momentos em que ela pensou não conseguir dar sentido ás palavras, ordena las, pó-las como ela queria,..teimosas, sempre a medir forças, mas afinal quem manda!?ela nos sentimentos ou seriam eles que mandavam nela!?..
No meio desta confusão de emoções a conversa fluiu e o tempo passou, passou rápido de mais, nem deram conta dele, dissimulado...
O sol que se tinha mostrado envergonhado acabou por se esconder por completo, seria por sentir que a hora da despedida estava aí mesmo a chegar?..era bem provável.
Os sorrisos eram agora um pouco mais melancólicos, assim como a chuva miudinha que começava a cair.
Só ela e apenas ela seria testemunha do beijo que trocaram.
Um beijo que a fez sentir o coração bater mais forte, descompassado, como se fosse um passarinho assustado.
De novo as borboletas e de novo a sensação de ser novamente uma menina...só que agora o tempo era outro, era tempo de por os pés no chão e seguir o caminho que escolheu, o seu caminho...
E é de lá que continua a sorrir de cada vez que aquelas borboletas passam por ela e ensaiam um passo de dança..
Ele também seguiu o seu caminho, ainda com o sabor daquele beijo doce na sua boca, sabor a pouco diz ele...
Será que o voltará a sentir?
.