sábado, 27 de dezembro de 2008

E como o tempo passa....


Sempre que penso...nem parece verdade,mas é..
Assim se passaram onze anos, sim foi á onze anos que a morte veio de mansinho
romper os laços que te uniam a alma ao corpo...
Só nos restou pegar em todas as lágrimas e risadas,
e fazer delas as nossas recordações.
È o que nos fica, e para onde quer que vamos elas estarão sempre com nós, tal e qual
a tua presença no nosso coração.
Passe o tempo que passar este sentimento não passa, não esmorece, estarás sempre vivo em nossos corações.
Até um dia, Paizinho
.

5 comentários:

Tatiana disse...

A cada ano novas vindas e idas...sempre aprendemos mais, sentimos mais!

Tenha uma bela passagem de ano!
Que 2009 seja um ano de muito sucesso e amor para você!

Obrigada por de alguma forma fazer parte da minha vida!

Beijos com meu carinho

BlueVelvet disse...

O tempo passa, é verdade.
Mas só quem nunca sentiu uma perda assim pode dizer que " o tempo cura tudo".
Não cura. Adormece. E é só.
Deixo-te um abraço apertado.

O QUATORZE disse...

Olá. Boa Tarde
Lamento a sua perda, mas deve sempre pensar no bem que ele lhe desejava, a alegria de viver desde que nasceu.
Espero que o Ano Novo lhe traga muito animo para conseguir tudo o que deseja.
Amizade
LUIS 14

Si disse...

No passado dia 6, faria 82 anos. Não chegou aos 80, partindo uns dias antes. O meu sogro, de quem gosto como gosto do meu pai, também me deixou muitas saudades.
Beijinhos grandes

Renato de Oliveira disse...

Olá C.,

É uma perda irreparável que nos deixa, nestes momentos, ainda mais tristes!

Mas, infelizmente, é a Lei da vida que teremos que saber enfrentar e saber que um dia estaremos juntos!

Beijinho,

Renato